Terça-feira, 13 de Março de 2012

No buraco errado

Às escuras tudo pode acontecer, até acertar onde não deve. Um pontapé na cama, uma cabeçada na mesa de cabeceira ou...

Podia falar tanto sobre isso nem as palavras me saem, é preferível mostrar naquela que poderá vir a ser considerada na melhor balada de sempre.

publicado por eu ando às voltas às 10:28
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Está lá, quer ganhar 200 euros?

Eu: "Estou sim?"

Alguém: "É da casa do Sr. Ando às voltas?"

Eu: "É sim."

Alguém: "É da empresa ******* e estamos a promover um passatempo onde pode ganhar 200 euros."

Eu: "Sim?!?!"

Alguém: "Só precisa de responder qual o prato típico do Porto."

Eu: "Tripas à moda do Porto." (podia dizer, fruta ou café, mas preferi não ir por aí)

Alguém: "Certooooo!!! Tem uma caneta e um papel?"

Eu: "Tenho sim." (pois, pois)

Alguém: "Então aponte. 629..."

Eu: "Desculpe, isto é para quê?" - interrompo eu.

Alguém: "É para ligar a seguir e responder a um questionário."

Eu: "Eu não vou ligar para ninguém."

Alguém: "Porquê?"

Eu: "Não vou ligar para ninguém."

Alguém: "Porquê, não quer gastar dinheiro?"

Eu: "Não vou ligar porque não tenho que ligar. Com licença."

Alguém: "Sim, mas.....está a ouvir-me, está a ouvir-me?"

Eu: "Estou, mas daqui a uns segundos deixo de estar."

Alguém: "Mas..está a ouvir-me...."

 

E a chamada caiu. Pronto, não caiu desliguei mesmo.

 

 

publicado por eu ando às voltas às 08:19
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 10 de Março de 2012

E neste dia tudo mudou

Foi há 12 anos que a vida mudou. Foi o culminar de nove meses de espera, ansiedade e preparação. Desde aí nada foi o mesmo, aquele dois seres passaram a ser a primeira prioridade, e fizeram a que os horários se adaptassem aos deles. Claro que a a prisão do relógio face às necessidades deles já é diferente e eles já se adaptam às nossas. São 12 anos de muitas alegrias, vitórias mas também de sustos e chatices que fizeram que alguns cabelos brancos aparecessem. Sei que já me deram mais problemas que aqueles que eu dei, mas eu não tinha em casa um irmão para que houvesse as normais implicações e acidentes, e que o feitiozinho deles já me rendeu algumas chamadas à escola, nada que não se tenha conseguido controlar, e que se reflete  nas boas notas no fim dos anos.

Sei que me criarão mais cabelos brancos, mas se for ao ritmo que me estão a aparecer não me poderei queixar muito.

publicado por eu ando às voltas às 19:44
link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito
Quinta-feira, 8 de Março de 2012

Quem dera não haver Dia Internacional da Mulher

Parece que hoje é Dia Internacional da Mulher e neste preciso momento está a decorrer em Lisboa uma concentração, não só de mulheres, seguida de marcha até à Assembleia da República a favor da igualdade de direitos para as mulheres. Por razões pessoais não me foi possível participar, mas não deixo de ser solidário com tal acção. Cá entre nós preferia que este dia não existisse, pois tal significaria que as diferenças de género estariam erradicadas deste planeta. Que ordenados para funções iguais seria o mesmo independentemente de se ser homem ou mulher, que a violência doméstica não lhes afectaria, que em todos os países teriam direito de voto, que não ouvíramos de mulheres condenadas a morrer por lapidação ou de casos de excisão feminina. É uma ideia utópica talvez, tão cedo não acontecerá tal igualdade, mas o mundo muda-se aos poucos e quem sabe um dia lá chegaremos.

publicado por eu ando às voltas às 16:53
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Terça-feira, 6 de Março de 2012

Não pensem em estudar

publicado por eu ando às voltas às 20:34
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 1 de Março de 2012

Estudos


Há estudos que me tiram do sério. Apesar de ser contra o aborto como meio de contracepção, admito a discussão sobre se um ovulo depois de fecundado se poderá considerar uma vida. Mas alguém dizer que recém-nascidos não são pessoas, que não têm estatuto moral semelhante aos adultos e que são ‘não-pessoas' porque ainda não têm consciência da sua própria existência podendo assim matá-los sem ser considerado infanticidio, deixa-me com uma vontade de pendurar quem afirmou uma coisa dessas pelos tomates e deixá-los assim até que os mesmos se despeguem do corpo.

publicado por eu ando às voltas às 16:13
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Põe gelo que isso passa

. E por hoje é tudo

. Os pais fazem sexo

. Vamos fazer um exercício

. Esta época começa estranh...

. Piano Man

. Dizem que a terra tremeu

. Moça Esquiva

. Alexis Tsipras no 5 para ...

. Garantidamente não é para...

.arquivos

. Março 2016

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

.tags

. todas as tags

.favorito

. Sms...."Bom dia"

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds