Segunda-feira, 30 de Maio de 2011

Pensamento do dia

"Sei de onde vim, o que sou, o que fiz, mas o meu passado não molda o meu futuro."

 

By Eu Ando Às voltas

publicado por eu ando às voltas às 18:49
link do post | comentar | favorito
30 comentários:
De Palomina a 30 de Maio de 2011 às 20:02
Mas para muitos o passado molda o futuro.
Felizmente, tb penso como tu.


De eu ando às voltas a 30 de Maio de 2011 às 22:11
Em frente que atrás vem gente


De Palomina a 30 de Maio de 2011 às 22:50
Image


De excessiva a 30 de Maio de 2011 às 21:20
Moldar, não, mas é no passado que tudo o que desejamos para o futuro se apoia.
Sem memória desvanecer-nos-íamos.
Por muitas voltas que dês, não podes apagar de ti mesmo tudo o que foste e fez de ti quem és.


De eu ando às voltas a 30 de Maio de 2011 às 22:12
Não esqueço nem apago o que fiz ou sou, mas isso não limita e tolda as minhas decisões


De excessiva a 1 de Junho de 2011 às 19:56
Condiciona, sim. Não as determina, mas condiciona. Quem diz o que tu dizes é o resultado de tudo o que foste. Se não tivesses vivido o que viveste não chegarias a essa conclusão.


De eu ando às voltas a 1 de Junho de 2011 às 22:07
Pode dar clarividência e maturidade nas decisões, mas não as impede.


De sentaqui a 30 de Maio de 2011 às 22:35
Uma frase que poderia concorrer com uma dessas que se lêem de célebres filósofos.
Só sabes o que és agora. conheces o momento..amanhã esse será sempre uma incógnita e uma eterna surpresa e é isso que faz com que esta vida seja maravilhosa.


De eu ando às voltas a 30 de Maio de 2011 às 22:40
Sei o que sou, o que fui ou sempre fui. Conheço o hoje, desejo o amanhã com a incógnita que ele é e as surpresas que trás. É o desafio que me faz viver.


De entardeceres a 11 de Agosto de 2011 às 14:58
Boa Tarde,

Perdoe a intromissão mas ando literalmente às voltas com a sua frase e não pude deixar de pensar que o passado não molda o futuro porque de certa forma já o moldou e continuará a molda-lo ainda que não tenhamos uma consciência consciente disso. 
Espero que não leve a mal a minha discordância.


De eu ando às voltas a 11 de Agosto de 2011 às 17:54
Não precisa pedir desculpa pela intormissão, aqui é aceite opiniões diversas e contrárias.
Se calhar até estou enganado e o passado moldou-me inconscientemente, mas as decisões que tomo, não as tomo com base no meu passado.


De entardeceres a 11 de Agosto de 2011 às 20:08
Aceito a sua resposta como é obvio embora não concorde mas rebatê-la talvez nos levasse, por assim, a uma daquelas discussões filisóficas intermináveis
Grata pela sua abertura.


De eu ando às voltas a 12 de Agosto de 2011 às 08:58

Possivelmente continuar com o debate de ideias iria dar azo a uma debate longa e interessante discussão.
Mal da pessoa que tem os olhos e a mente fechada às outras ideias e opiniões.


De entardeceres a 12 de Agosto de 2011 às 10:04
Bom Dia!

Não me tente, não me tente :)
Existem muitas pessoas assim, feliz ou infelizmente, não sei, mas sei que mudar de opinião é talvez das coisas mais dificeis que existem, implica assumir que estamos errados o que nos leva de certa forma a colocar em causa o que somos.


De eu ando às voltas a 12 de Agosto de 2011 às 16:08
Se me conseguirem provar que o outro ponto de vista é o que está certo, não tenho problema de o aceitar, mas isso não põe em causa o que sou.


De entardeceres a 12 de Agosto de 2011 às 16:48
Talvez seja melhor esclarecer que em altura alguma eu coloquei em causa quem é. De facto a sua frase levou-me a uma reflexão mais teórica, se é que me faço entender, sobre qual o real domínio e conhecimento que temos de nós próprios. A sua frase tem concerteza um contexto que me ultrapassa pelo que só posso generalizar. O passado, digo eu, quer queiramos quer não é uma ausência presente, a educação que nos transmitiram por ex., os valores, moldam-nos e condicionam quaisquer acções futuras. Em função deles decidimos por A ou B.  Se no limite, nos provarem que um destes pilares está errado, ficamos sem chão, perdidos, dai que eu diga que coloca em causa de certa forma quem somos, porque iremos "viajar" pelo percurso que fizemos e talvez questionar muitas decisões e comportamentos. Para além disso, o cérebro tem mecanismos que nós não compreendemos nem controlamos. À vezes temos que decidir em milésimos de segundo, e fazêmo-lo em reflexo, è uma decisão racional? Até que ponto? Logicamente quando temos tempo para ponderar sobre algo, acreditamos decidir pelo melhor, decidimos pela razão, dizemos nós, e os sentidos onde ficam? As sensações? Aquele frio no estomâgo que não conseguimo explicar? Ou alívio?
Tomas dezenas de decisões diariamente as quais não conseguimos explicar racionalmente, mas elas não surgem do nada, toda o efeito tem uma causa. Eu não digo que o passado impeça o futuro, mas por ex. quando dizemos "basta" por qualquer motivo, referimo-nos ao passado. Senão dizemos, o passado continua lá. Era mais ou menos por aqui que eu falava, partiindo do princípio que me consegui explicar.
Volto a repetir que de todo quero ser dona da verdade, e muito menos ofender, mas a minha visão, que resulta, lá está, das minhas vivências e de como as contextualizo.


De eu ando às voltas a 12 de Agosto de 2011 às 16:58
Comecemos por responder o inicio e o fim do comentário, nem senti que quis colocar em causa o que sou, nem ofendeu. Percebi perfeitamente o seu ponto de vista, que tem partes em que concordo plenamente.
A vivencia faz-nos conhecer melhor, os  nossos limites e forças. O passado, como eu quero dizer, não me impede de avançar, pode só é ter a experiencia de procurar outros caminhos e evitar outros, e o futuro esse, pode ensinar novos caminhos a percorrer e novos caminhos a evitar.

 


De entardeceres a 12 de Agosto de 2011 às 17:19
Afinal não foi uma dicussão interminável :).
As sensibilidades são diferentes, e aquilo que na minha opinão, é inofensivo ou dito d euma forma perfeitamente natural, pode não o ser ou não ser entendido dessa forma, daí os reforços que fiz.
E pela mesma razão, grata pelo seu cuidado em "descansar-me".


De eu ando às voltas a 12 de Agosto de 2011 às 17:25
É uma discussão com pano para muitas mangas.
A interpretação  é sempre diferente de quem lê.
Sensibilidades diferentes interpretam frases, textos livros, de forma tão diferente.


De eu ando às voltas a 12 de Agosto de 2011 às 17:21
É claro que eu ao colocar, neste caso um pensamento, aceito que outras pessoas ao meditarem nela, encontrem opiniões divergentes.
Claro que ao tomarmos desições num segundo, claro que é pura intuição. Até que ponto essa intuição é influenciada pelas nossas vivências e experiencias, não se sabe.
O passado sairá de nós, no meu caso até me lembra o que fiz, deixei de fazer, mas as decisões não as tomarei só porque no passado correu mal, ou não.


De eu ando às voltas a 12 de Agosto de 2011 às 17:36
Quis dizer que o passado não saíra de nós.


De entardeceres a 16 de Agosto de 2011 às 15:51
Boa Tarde,
Eu compreendi pelo sentido da frase :)
Existem pontos comuns mas não posso concordar em absoluto com o que diz. Mas vai daí, talvez seja apenas um questão de interpretação das palavras, porque de facto tudo (ou quase) depende das interpretações.


De eu ando às voltas a 18 de Agosto de 2011 às 18:46
A concordância total  não me agrada, sem pontos de vista divergentes nunca haverá debate de ideias.


De entardeceres a 18 de Agosto de 2011 às 20:16
Eu peço desculpa mas não compreendi, a sério que não.


De eu ando às voltas a 18 de Agosto de 2011 às 21:09
O não concordar em absoluto com o que disse, não por uma interpretação diferente das palavras ou por ligeiras diferenças de ideias, permite sempre um agradável debate e discussão de ideias.


De entardeceres a 19 de Agosto de 2011 às 17:16
Agora compreendi.
Permite sempre desde que um conflito seja entendido como uma saudável divergêngia de opiniões e não como um confronto, o que não raras vezes acontece, sendo até muito fácil que aconteça. Penso não ser o caso.
Mas retomando o assunto, realmente não posso concordar consigo pois a forma como o diz, no meu entender, pressupõe um total domínio de todas as variáveis envolvidas o que não é verdade. Ou então eu não estou a conseguir entender o que diz, mas gostaria se me quiser tentar explicar.

 


De eu ando às voltas a 20 de Agosto de 2011 às 23:13
Estes saudáveis conflitos são bons. Só quem não se dispõe a ouvir novas opiniões nunca poderá atestar a sua razão ou assumir que não tem razão e procurar novos horizontes. Quando digo que o passado não molda o futuro, pode dar-me experiencia para escolher melhor (ou não), digo que não é pelas variáveis do passado que tomo as decisões para o futuro. O futuro sou eu que faço, não o meu passado.


De entardeceres a 21 de Agosto de 2011 às 00:06
É possível que tenha razão e que seja eu que esteja a confundir as coisas
Mais uma vez obrigado pela sua abertura.


De eu ando às voltas a 21 de Agosto de 2011 às 00:13

Não sei se terei razão nem é isso que me interessa, não acho importante. Muito provavelmente estarei iludido pela maneira que vejo a vida.
Estou sempre aberta a porta a novas ideias e opiniões. São elas que nos fazem crescer.
Pode aparecer sempre que desejar.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Põe gelo que isso passa

. E por hoje é tudo

. Os pais fazem sexo

. Vamos fazer um exercício

. Esta época começa estranh...

. Piano Man

. Dizem que a terra tremeu

. Moça Esquiva

. Alexis Tsipras no 5 para ...

. Garantidamente não é para...

.arquivos

. Março 2016

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

.tags

. todas as tags

.favorito

. Sms...."Bom dia"

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds