Terça-feira, 22 de Novembro de 2011

Que farias...

... se na rua te metessem a mão ao bolso para te tirar 10 euros?

Se calhar lutavas, esperneavas para que não a levassem.

 

...se num restaurante te cobrassem pão ou entradas que não consumistes?

Reclamavas, não pagavas e ainda escrevias no livro de reclamações.

 

E agora que te tiram metade do subsídio de Natal, que te querem tirar os próximos subsídios de Natal e férias,que  te querem por a trabalhar mais 30 minutos de graça conforme o patrão desejar vais ficar quieto, calado?

 

Pois dia 24 é um óptimo dia para mostrares as tuas insatisfações contra o roubo que está a ser feito.

publicado por eu ando às voltas às 16:16
link do post | comentar | favorito
8 comentários:
De momentosdisparatados a 23 de Novembro de 2011 às 15:39
Este texto diz tudo!
Está perfeito.
Eu irei!
Boa semana


De eu ando às voltas a 23 de Novembro de 2011 às 17:55
Já somos 2 a ir.


De Blogadinha a 25 de Novembro de 2011 às 18:59
Aceito argumentos, a forma é relativa.

Ausentar ao trabalho é falta; uma paragem concertada a uma hora inesperada... isso é que era!

E assim o quereres aderir às manifs sem efeito, por não haver transportes assegurados entre as duas margens do Tejo, por exemplo...

Fazer valer direitos, não apenas a voz.


De eu ando às voltas a 25 de Novembro de 2011 às 22:13
Ausentar ao trabalho é falta, dia de greve é suspensão do contrato de trabalho, não podendo ser considerada falta.
Pode ser sempre haver greve só a uma, duas ou três horas, desde que previamente avisada nos termos da lei. Parar por parar pode dar problemas.


De Blogadinha a 27 de Novembro de 2011 às 19:39
É a consciência desses cuidados e contornos que continua a entregar as curvas ao "Alto poder".


De eu ando às voltas a 28 de Novembro de 2011 às 18:16
Mas temo que o país possa entrar em risco de haver desobidiencia civil e deixar de se preocupar com esses promenores e parar por parar. Como se viu na ultima manif., onde havia gente infiltrada que nada tinha a ver com os prostestos, prontos para a asneira.


De Blogadinha a 30 de Novembro de 2011 às 18:19
Somos povo brando mas não santo. A ferida já está aberta há muito - não me admirarei se um dia tal acontecer.


De eu ando às voltas a 30 de Novembro de 2011 às 18:22
A ferida está aberta, o saco enche na mesma proporção em que começa a faltar pão na mesa e aí, tudo pode acontecer.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Põe gelo que isso passa

. E por hoje é tudo

. Os pais fazem sexo

. Vamos fazer um exercício

. Esta época começa estranh...

. Piano Man

. Dizem que a terra tremeu

. Moça Esquiva

. Alexis Tsipras no 5 para ...

. Garantidamente não é para...

.arquivos

. Março 2016

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

.tags

. todas as tags

.favorito

. Sms...."Bom dia"

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds